Além Paraíba registrou falta de doses da vacina contra a gripe

O município de Além Paraíba, a exemplo de outros municípios da região como Leopoldina, registrou falta de doses de vacina contra a gripe logo após o início da campanha, em 23 de março.

Segundo fonte segura de dentro da Secretaria Municipal da Saúde, a Pasta teria registrado que as doses acabaram logo após o terceiro dia da campanha e nova remessa seria recebida ainda nesta semana.

O Governo de Minas, através da Superintendência Regional de Saúde de Leopoldina, emitiu Nota Técnica informando que existe um pequena demora na entrega de novas remessas da vacina já que a mesma é fabricada no Instituto Butantã, em São Paulo.

Vale ressaltar que a vacina contra a gripe não previne o coronavírus, mas é importante para facilitar o diagnóstico de COVID-19, já que os sintomas das duas doenças são semelhantes. A campanha que foi antecipada por causa da pandemia, vai até o dia 22 de maio.

O Ministério da Saúde detalhou o calendário da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe de 2020. A campanha teve início na semana passada (23) somente para idosos e trabalhadores da área da saúde. De acordo com o Ministério, eles foram priorizados por causa do novo coronavírus. Com o passar dos dias, outros grupos do público-alvo terão direito às doses.

Os indivíduos com mais de 60 anos foram para o primeiro lugar da fila, porque estudos mostram que estariam mais suscetíveis às complicações do novo coronavírus.

Reiniciada a vacinação

Com a chegada de mais um lote de vacinas, foi reiniciada segunda-feira (30) a vacinação contra a gripe. Infelizmente, em alguns locais, devido a “burrocracia” dos agentes de saúde que estão batendo de porta em porta nas residências, váruios idosos estão sendo deixados para trás. O editor do semanário ALÉM PARAHYBA fez contato com o presidente do Conselho Municipal da Saúde solicitando providências.

Veiculado na edição 1094