Mais um deputado mineiro no Congresso é diagnosticado com o novo coronavírus

O deputado federal Misael Varella (PSD) foi o segundo parlamentar da bancada mineira em Brasília a testar positivo para a Covid-19

Foto: Divulgação / Câmara dos Deputados

Por FRANSCINY ALVES | Jornal O Tempo

01/04/20 – 22h16

O deputado federal Misael Varella (PSD) foi o segundo parlamentar da bancada mineira no Congresso Nacional a testar positivo para a Covid-19. Ele informou a situação por meio de nota publicada nas redes sociais na noite desta quarta-feira (1). O resultado do exame saiu após 13 que havia realizado o teste e, segundo ele, já recebeu alta médica. 

No comunicado, ele relata que começou a sentir os sintomas da doença no último dia 19, quando retornou de Brasília para Muriaé. Na ocasião, ele apresentou febre, realizou os exames e, segundo o político, começou a seguir as recomendações de isolamento até obter o resultado, que saiu nesta quarta. 

“Desde o dia da suspeita, não apresentei mais quaisquer sintomas. Mesmo assim, tomei todas as providências cabíveis de isolamento pessoal e notificação para exames das pessoas com as quais tive contato próximo. Hoje, já estou liberado do isolamento e considerado livre da doença, ou seja, imune e sem possibilidades de transmitir qualquer vírus para as pessoas”, afirmou.

O mineiro ainda se queixou de boatos que diziam que ele havia contraído o novo coronavírus antes mesmo dos resultados do exame: “Boatos infundados, sem qualquer confirmação técnica e clínica e que, na minha avaliação, foram disseminados por pessoas de má índole e mau coração”.

Ao fim da publicação, ele reafirmou o pedido para que as pessoas fiquem em casa e sigam as recomendações do Ministério da Saúde.

Infectados

Com Varella, sobe pra seis o número de deputados federais que contraíram o vírus – Luis Tibé (Avante-MG), Pastor Eurico (Patriota-PE), Aluísio Mendes (PSC-MA), Cezinha da Madureira (PSD-SP) e Daniel Freitas (PSL-SC) também receberam resultado positivo para o Covid-19.

Já no Senado, foram infectados o presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP), e os senadores Prisco Bezerra (PDT-CE) e Nelsinho Trad (PSD-MS).