quarta-feira, julho 24, 2024
DESTAQUELOCAISNOTÍCIASREGIÃO

Morre aos 68 anos, o colunista social muriaéense Evaldo Calcagno

Faleceu na manhã de ontem (segunda-feira / 22), o colunista social Evaldo Calcagno (foto), de 68 anos. Evaldo estava internado no Hospital São Paulo, onde se recuperava de uma pneumotórax.

Evaldo Miguel de Almeida Calcagno nasceu em Muriaé, no dia 22 de abril de 1952. Tinha seis irmãos: Eliana Rosa, José Calcagno Filho, Malvina Elaine, Nélio Sebastião, Laércio e Sônia Regina. O seu sepultamento se deu às 16h30 xdde ontem (22), no Cemitério Municipal.

No jornalismo há mais de 25 anos, o colunistasta contava com leitores espalhados também pelo país e exterior. Sua formação começou com o curso primário na Escola Estadual Desembargador Canêdo, na Barra. O 5º ano, como era chamado na época, ele estudou com aula particular com a conhecida professora Tereza Bandeira de Melo. Já o ginasio foi feito na escola E.E. Orlando de Lima Faria. Formou-se em Contabilidade no Colégio Santo Antonio.

Cursou dois anos de Letras e de Pedagogia na Faculdade Santa Marcelina. Trabalhou na Prefeitura Municipal de Muriaé, depois no Banco Real, na Delegacia Regional de Ensino e nas E.E. Eng. Orlando Flores e Prof. Gonçalves Couto, onde se aposentou.

Fez teatro, durante cinco anos, como integrante do Grupo Chão de Minas, criado pelo amigo Euler Luz. Desde jovem, Evaldo também se interessava por moda, criando croquis e coordenando trabalhos de passarela em dezenas de desfiles, Dentre eles o de baile eleição da Glamour Girl de Muriaé, ao lado do amigo João Carlos Correa.

Começou no colunismo na década de 70, no tempo da FAFI, com o colega Ramiro Batista de Abreu, que fundou o Minas Jornal e o convidou para ser o colunista social. Após três anos, com o fechamento do semanário, Evaldo passou a colaborar com a Gazeta de Muriaé. Nessa época, o amigo Danilo Porcaro batizou a coluna social com o nome de Boulevard, e assim, por 25 anos, através dela registrou as festas mais badaladas de Muriaé.

Depois de tanto tempo em um só jornal, colaborou rapidamente com os semanários Tribuna de Muriaé e Jornal de Muriaé. Atualmente assinava sua coluna Boulevard, no Correio Muriaeense e no site www.evaldocalcagno.com.br. Manteve durante anos contato e amizade com a direção do semanário ALÉM PARAHYBA.

Aos familiares de Evaldo Calcagno os sentimentos da direção de colaboradores do ALÉM PARAHYBA…

Com informações da Rádio Muriaé.