Semana do MEI terá atividades on-line e presenciais em Minas Gerais

Há 1,5 milhão de MEI em Minas, mais da metade dos pequenos negócios do estado.

Minas Gerais é o terceiro estado do Brasil que mais formaliza Microempreendedores Individuais (MEI), ficando atrás somente do Rio de Janeiro (2°) e de São Paulo (1°). O estado tem cerca de 1,5 milhão de microempreendedores, o que equivale a 10% do total de MEI do Brasil e a mais da metade dos pequenos negócios do estado.

A Semana do MEI, de 16 a 20 de maio, vai oferecer uma ampla programação gratuita de orientação e capacitação para quem já é ou quer se tornar um microempreendedor. Promovida pelo Sebrae em todo o Brasil, inclui atividades on-line e presenciais. Na plataforma Sebrae Experience, um ambiente digital e interativo, serão oferecidas palestras, oficinas e atendimento especializado. As inscrições podem ser realizadas pelo site sebrae.com.br/minasgerais. A programação de Cataguases pode ser acessada no link.

Apenas no ano passado, 201.969 pessoas se formalizaram como MEI em Minas Gerais. Apenas no primeiro trimestre de 2022, a taxa de crescimento acumulada de formalizações nesta categoria empresarial no estado foi de 13,8%. “Os MEI representam um importante ativo para a estratégia econômica do país e precisam de suporte empresarial para melhorar a gestão dos negócios, inovar e crescer. A Semana do MEI é a maior campanha nacional de atendimento oferecida a esse público”, destaca o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae Minas, Roberto Simões.

Um time de especialistas do Sebrae de todo o país vai apresentar, durante toda a Semana do MEI, tendências do mercado e explorar temas como soft skills, negociação para mulheres, uso do Whatsapp, modelos de negócios Canvas, entre outros. Em Minas Gerais, vários municípios vão oferecer programações presenciais. Confira aqui.

A programação on-line também vai contar com a participação de palestrantes convidados que são referência no mercado. Entre os nomes já confirmados está o do empresário e pioneiro na internet, Murilo Gun, que apresenta a palestra “Empreendedor do Século XXI”, no primeiro dia da Semana do MEI 2022, a partir das 14h.

Outra que também estará presente para o dia 16 de maio é o da CEO do Plano Feminino, Viviane Duarte, consultora de empresas e marcas com foco em gênero, raça e diversidade. Ela vai apresentar a palestra “Quem é você na fila do pão”, a partir das 16h40min. Além de consultora, Viviane também é presidente do Instituto Plano de Menina, um projeto social com foco em capacitação que tem mudado a vida de meninas de comunidades carentes do país.

O empresário Ricardo Bellino, que é fundador da agência de modelos Elite Models no Brasil e parceiro de negócio de famosos como John CasaBlancas e o ex-presidente dos EUA, Donald Trump, também vai marcar presença na programação da semana. No dia 16 de maio, a partir das 15h30min, ele apresenta a palestra “8 passos para influenciar”.

Na quinta-feira (19), no período da tarde, um dos principais destaques será a participação de Nathália Rodrigues, mais conhecida nas redes como Nath Finanças. Escritora, empresária e administradora, Nath Finanças, se tornou uma das mais importantes influenciadoras no tema da gestão financeira para pessoas e empresas.

O Sebrae também vai contar com a participação dos parceiros para tirar e esclarecer dúvidas sobre assuntos que fazem parte do dia a dia do MEI, como registro de marcas, direito previdenciário, formalização, contratação de colaboradores. Um dos convidados já confirmados é o coordenador-geral de Empreendedorismo e Artesanato, Fábio Silva, que integra o Ministério da Economia. Também estão previstas as participações de representantes do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

MEI em Minas Gerais*

Os cinco municípios que lideram o ranking de formalizações no MEI são:

Belo Horizonte: 262.440

Uberlândia: 65.296

Contagem: 61.974

Juiz de Fora: 48.310

Betim: 37.193

Ranking por segmento*

Em 2021, as atividades com o maior saldo de formalizações no MEI em Minas Gerais foram: Cabeleireiros, manicure e pedicure (114.879), Comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios (103.823), Obras de alvenaria (78.961), Promoção de vendas (54.605) e Lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares (39.771).

*Fonte: Portal do Empreendedor (março/2022)

Texto: Sebrae-MG | Foto: Arquivo