quarta-feira, julho 17, 2024
COLUNASDESTAQUEESPORTESNOTÍCIAS

Leopoldina vive a expectativa da chegada do GNK Dinamo Zagreb para seletiva de talentos

Leopoldina está prestes a se transformar em um verdadeiro campo de sonhos para mais de 70 jovens talentos do futebol brasileiro. A partir do dia 29 de janeiro, o GNK Dinamo Zagreb, clube de renome da Croácia, desembarcará na cidade para uma seletiva que promete revelar novas estrelas.

Com a iniciativa do agente FIFA Felipe Furtado e o apoio do vereador Bernardo Guedes, da Prefeitura de Leopoldina e do Esporte Clube Ribeiro Junqueira, a cidade se torna o palco dessa oportunidade. O evento não só oferece aos jovens atletas a chance de serem observados por olheiros europeus, mas também contribui ativamente para a economia local.

A partir hoje, terça-feira, 23 de janeiro, 74 atletas iniciam um intenso período de treinamento em busca do tão sonhado passaporte para a próxima fase da seletiva. Desses, apenas 48 terão a oportunidade de serem avaliados pelos representantes do GNK Dinamo Zagreb, que farão a difícil escolha de quem seguirá para a Europa em busca do sonho de jogar em uma equipe de elite.

O suporte operacional e logístico oferecido pelo vereador Bernardo Guedes, aliado ao apoio da Prefeitura de Leopoldina, que disponibilizou alojamento na Escola Municipal Ribeiro Junqueira e alimentação, e do Esporte Clube Ribeiro Junqueira, que gentilmente cedeu o estádio Guanahyro Fraga Motta, foram peças fundamentais para tornar esse evento uma realidade na cidade.

A grandiosidade do evento não se limita apenas ao campo, mas se estende a uma rede de colaboradores. A direção esportiva é liderada por João Pedro Bella enquanto a assessoria jurídica fica sob a orientação de Jonathan Dutra e Rodrigo Franzoni. A generosa contribuição da diocese de Leopoldina, que cedeu 40 colchonetes do Seminário Diocesano Nossa Senhora Aparecida através do reitor padre Alessandro Alves Tavares, reflete o apoio de diversos setores da comunidade.

O GNK Dinamo Zagreb

O clube, que conta com nomes ilustres como Luka Modric, Zvonimir Boban, Robert Prosinecki, Dario Simic e Mateo Kovacic em sua história, tem sua academia de formação eleita como uma das seis melhores da Europa, ao lado de gigantes como Ajax, Barcelona, ​​Inter de Milão, Sporting e Arsenal. Os números impressionantes do clube, destacados pelo Observatório CIES, comprovam sua posição de destaque na formação de talentos.

Segundo os dados, o Dinamo Zagreb é a segunda equipe que mais forma jogadores para as 31 principais ligas da Europa, com 67 jogadores, ficando apenas quatro atrás do Ajax, líder nesse quesito. Além disso, é a quarta equipe que mais produz jogadores em toda a Europa, com destaque para jogadores entre 15 e 21 anos. A seleção croata, vice-campeã do Mundo em 2018, contou com 14 jogadores que tiveram sua formação no clube.

A chegada do GNK Dinamo Zagreb à Leopoldina representa não apenas uma oportunidade para jovens atletas brasileiros, mas também um marco para a cidade, que se insere no cenário internacional das grandes oportunidades esportivas. A expectativa é alta, e Leopoldina aguarda ansiosamente para descobrir quem serão os futuros craques que terão a chance de brilhar na Europa.

Fonte: Jornal Zona da Mata