sábado, maio 25, 2024
DESTAQUENOTÍCIASREGIÃO

Mulheres foram as mais aprovadas nos exames de direção em 2023

Minas Gerais tem mais de 2,7 milhões de mulheres habilitadas.

Considerando o total de pessoas aprovadas nos exames de direção da primeira habilitação na categoria B, realizados no estado em 2023, o número de mulheres chega a 54%, em comparação ao número de homens, que foi de 45%. Os dados são da Coordenadoria de Gestão de Trânsito de Minas Gerais (CET-MG), da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag). Minas Gerais conta, atualmente com mais de 2,7 milhões de mulheres habilitadas.

O estado possui mais de 8 milhões de condutores habilitados, sendo 34% mulheres. Em relação às categorias, são:

·         152.432 mulheres condutoras;

·         (AB) 475.591 mulheres condutoras;

·         (AC) 768 mulheres condutoras;

·         (AD) 15.865 mulheres condutoras;

·         (AE) 1.839 mulheres condutoras;

·         2.117.735 mulheres condutoras;

·         1.825 mulheres condutoras;

·         19.028 mulheres condutoras;

·         939 mulheres condutoras.

A soma totaliza 2.770.152 condutoras segundo levantamento de março de 2024 da CET-MG.

O que quer dizer cada categoria de habilitação

O Código de Trânsito Brasileiro (CDT) especifica cada categoria de habilitação no artigo 143, sendo elas:

Categoria A – condutor de veículo motorizado de duas ou três rodas, com ou sem carro lateral.

Categoria B – condutor de veículo motorizado, não abrangido pela categoria A, cujo peso bruto total não exceda a 3,5 mil quilos e cuja lotação não exceda a oito lugares, excluído o do motorista;

Categoria C – condutor de veículo abrangido pela categoria B e de veículo motorizado utilizado em transporte de carga cujo peso bruto total exceda a 3,5 mil quilos;

Categoria D – condutor de veículo abrangido pelas categorias B e C e de veículo motorizado utilizado no transporte de passageiros cuja lotação exceda a oito lugares, excluído o do motorista (redação dada pela Lei nº 14.440, de 2022);

Categoria E – condutor de combinação de veículos em que a unidade tratora se enquadre nas categorias B, C ou D e cuja unidade acoplada, reboque, semirreboque, trailer ou articulada tenha 6 mil quilos ou mais de peso bruto total, ou cuja lotação exceda a oito lugares.

Gestantes

Um cuidado especial deve ser orientado para as condutoras gestantes que transitam por Minas Gerais.

Durante a direção, as gestantes devem utilizar equipamento de três pontos. A faixa diagonal do cinto deve cruzar o meio do ombro, passando entre os seios, e nunca sobre o útero. Já a faixa subabdominal deve estar mais baixa e ajustada quanto possível.

Fonte: Agência Minas | Foto ilustrativa: Pexels