sábado, maio 25, 2024
DESTAQUENOTÍCIASREGIÃO

Zona da Mata é citada como rota de tráfico internacional de cocaína

Polícia Federal em Juiz de Fora deflagrou a “Operação Conexão Penha” na manhã de ontem, quarta-feira (10).

A Polícia Federal em Juiz de Fora deflagrou uma operação na manhã de ontem, a quarta-feira (10), que busca desarticular o tráfico internacional de drogas. Segundo apurado pela instituição até então, a cocaína entrava no país por meio da fronteira entre Bolívia e o estado de Rondônia (RO) e era distribuída a traficantes da Zona da Mata mineira (MG) e do do Complexo do Alemão, na Penha (RJ).

A manobra foi denominada “Operação Conexão Penha”, em alusão à rota percorrida pelos criminosos. Até o momento, dois mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão já foram expedidos pelo Juízo da 2ª Vara Federal de Juiz de Fora.

Uma mulher e um homem, de idades não informadas, mas residentes nas cidades paulistas de Piracicaba e Rafard, foram os detidos. As investigações demonstraram que eles seriam os suspeitos de levar a cocaína que saía da Bolívia para a região Sudeste por meio de automóveis de passeio.

Conforme informou a PF, os presos serão conduzidos aos presídios de suas respectivas regiões, sendo um encaminhado a Piracicaba e o outro a Campinas. A pena prevista para o crime, caso condenados, pode chegar até a 15 anos de reclusão.

A PF não detalhou as cidades da Zona da Mata que receberiam a droga e informou que não concederá entrevista sobre a operação.

Fonte: Tribuna de Minas – Por Pâmela Costa