domingo, julho 14, 2024
DESTAQUENOTÍCIASREGIÃO

Com recursos da Lei Paulo Gustavo, SMEC-SAA aprova e realiza projetos de Oficinas

A partir de recursos disponibilizados pela Lei Paulo Gustavo para incentivo e apoio a projetos de cultura local, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Santo Antônio do Aventureiro aprovou projetos de Oficinas de Leitura Religiosa abertas à toda a comunidade.

No mês de março, sob orientação das oficineiras Marcela Souza de Oliveira e Diane Djanira Francisca da Silva, as voluntárias contaram histórias, monitoraram diversas reproduções artísticas com desenhos, pinturas e exposição, e na culminância do projeto todos participaram de lanche coletivo e brincadeiras. Vale ressaltar, foram adquiridos também materiais para a continuidade na realização de ações da oficina, tais como Smart TV, pula-pula, mesinhas e cadeiras, material para leitura e para reprodução artística etc. Foram utilizados recursos humanos voluntários durante toda a programação e execução da oficina no espaço infantil e afins religiosos.

A importância social do projeto se dá mediante a contribuição com a formação do caráter ético e solidário do indivíduo. A ideia do projeto surgiu a partir da percepção da importância na colaboração voluntária para as atividades religiosas com as crianças da pequena comunidade que buscam acolhimento e carecem de atenção social que possam contribuir com as suas formações.

A realização do projeto tem por objetivo contribuir com a convivência harmônica entre as crianças, desenvolver o pensamento crítico e reflexivo sobre as relações sociais, despertar a solidariedade, o amor e o respeito ao próximo, orientar sobre os bons hábitos e sobre a importância dos princípios religiosos na formação da sociedade.

Fonte e fotos: SMEC-SAA