Rede de Urgência e Emergência na região

O objetivo é dialogar sobre eventuais falhas e tentativas de melhorias.

A Gerência Regional de Saúde de Leopoldina (GRS) participou, no dia 1º de setembro, de reuniões entre os gestores municipais e os hospitais da região para discussão e debate do Termo de Cooperação para o desenvolvimento da Rede de Urgência e Emergência na região. O objetivo destes encontros, além da prestação de contas aos municípios cooperados, foi tratar dos atendimentos prestados, as receitas e as despesas inseridas nesse processo e especialmente, dialogar sobre eventuais falhas dos fluxos de atendimentos e tentativas de melhorias na qualidade da prestação dos serviços.

Na primeira etapa, realizada por videoconferência, foi discutido o termo de cooperação entre os municípios de Além Paraíba, Estrela Dalva, Pirapetinga, Santo Antônio do Aventureiro e Volta Grande com o Hospital São Salvador, localizado em Além Paraíba. Em um segundo momento, de forma presencial, com todos os cuidados de higienização e distanciamento, foram discutidos os termos de cooperação entre os municípios de Argirita, Cataguases, Santana de Cataguases, Itamarati de Minas e Dona Euzébia com o Hospital de Cataguases.

Segundo a Referência Técnica da Urgência e Emergência da Regional de Saúde de Leopoldina, Fernanda de Oliveira Guimarães, “a realização das reuniões, que inclusive já se encontra afirmada dentro do Termo de Cooperação assinado entre os municípios, prestadores e Ministério Público, é um excelente espaço para discussão dos fluxos assistenciais, para que os municípios tenham clareza da condução e local para uma resposta a uma determinada situação. É fundamental que ao avaliarmos tais fluxos assistenciais, consigamos integrar os serviços de urgência e emergência hospitalar aos demais níveis de atenção”, disse.

O Termo de Cooperação tem sido um instrumento valioso que reconhece a importância do fortalecimento financeiro, de forma complementar, para a Rede de Urgência e Emergência na garantia da melhoria do acesso às ações e serviços de atenção ambulatorial e hospitalar. A Regional de Saúde de Leopoldina atua como apoiadora desses encontros, visando a constante melhoria na relação entre as unidades hospitalares e os municípios cooperados que resulta no melhor atendimento da população.

O secretário de Saúde de Além Paraíba, Flávio Henrique Falcão Araújo, destacou a importância da reunião. “O caráter inédito dessa reunião traz, não somente para mim, mas também para todos os seus participantes, uma visão nítida do quão importante é a efetivação dos princípios do SUS, notadamente no que tange à regionalização do comando das ações e serviços públicos de saúde. No mesmo espaço, ainda que virtual, os gestores locais, os mais qualificados no conhecimento das realidades de seus territórios, o prestador hospitalar, que teve a oportunidade de expor suas ações e desafios e, através da intermediação técnica da gerência regional de saúde, hoje é possível dizer que se está em construção um novo cenário assistencial, com potencial qualidade na nossa microrregião”, afirmou.

Fonte e foto: SES-MG